-

"Engolimos de uma vez a mentira que nos adula e bebemos gota a gota a verdade que nos amarga." Denis Diderot

quinta-feira, 31 de março de 2011

Fechando o verão


Sob a luz da emoção

De que é feita a vida senão de retalhos de emoção costurados com o fio da racionalidade? Quando há um trabalho harmonioso e integrado entre racionalidade e emoção o resultado é uma colcha de retalhos perfeita. Faz-se necessário olhar a vida com olhos perspicazes de um fotógrafo profissional. O que faz aquele que fotografa senão capturar momentos? Um olhar atento. Ver os acontecimentos sob uma perspectiva singular. Um “click”... E o instante foi aprisionado para em seguida ser liberado em belas imagens ou imagens chocantes, se pudermos escolher, escolhamos as primeiras. Nossos olhos capturam cenas. Nossa mente consciente se encarrega de fixá-las na mente subconsciente.
Muitas vezes nos achamos que é preciso estar em lugares exuberantes, (se tivermos a oportunidade de estar nesses lugares, tanto melhor), para que registremos cenas significativas, instantes significativos. Quanto engano! Essas coisas estão acontecendo a todo o momento ao nosso redor. Para enxergá-los faz-se necessário apenas abrir os olhos e enxergar a vida que passa diante de nós tal qual carrossel.
Aqui, vale lembrar um bate-papo descontraído, com Jairo Perin, Maestro do Coral do Regatas (Clube Campineiro de Regatas e Natação), antes do ensaio para uma de nossas apresentações. Dizia o Maestro: “As pessoas nos dias de hoje estão mais preocupadas em demonstrarem euforia do que em viverem momentos de felicidade. E há uma grande diferença entre euforia e alegria. Acho que não precisamos estar, o tempo todo, agitados e eufóricos para sermos felizes. Até porque quando a euforia acaba deixa uma sensação de vazio. A alegria, ao contrário, não preciso de estardalhaços para se fazer sentida. Eu, por exemplo, experimento felicidade ouvindo Miles Davis, e, tecnicamente, a música dele é linear, quase nada tem de movimento”.
Ouvindo estas reflexões me reportei ao domingo, dia 13 do corrente mês, na cidade de Campinas/SP. Era finzinho de tarde. Estávamos sentados em volta da mesa, à beira da churrasqueira, ouvindo boa música e saboreando uma deliciosa cerveja. No horizonte à nossa frente se descortinava um céu esplendoroso. Todinho pintado em cores fortes de laranja, com leves tons de cinza e tendo como fundo um azul magnífico. Uma verdadeira obra de arte que só mãos divinas poderiam idealizar. Era o sol descendo no horizonte deixando atrás de si um rastro de beleza incomparável. Ainda olhávamos embevecidos à cena quando um deles, o Walter, me perguntou: “Você não escreveu nenhum texto sobre a homenagem da Beija-Flor ao rei Roberto Carlos”? A pergunta em si não teve a intenção de ser provocante. Mas acabou se tornando exatamente isto: provocativa. Fiquei pensando: “O desfile da Beija-Flor foi tão belo, porque não escrevi nada a respeito?”
Mentalmente, fui fazendo uma espécie de regressão. Já em Janeiro deste ano cantarolava os versos: “Meu beija-flor chegou a hora de botar pra fora a felicidade, da alegria de falar do rei e mostrar pro mundo essa simplicidade”. Já sabia o samba de cor. À medida que se aproximava o carnaval aumentava em mim a expectativa pelo desfile das escolas de samba na TV. Enfim chegou o carnaval. Nunca fui de passar a noite em claro vendo os desfiles, mas quando soube que a Beija-Flor seria a última escola a entrar na avenida no segundo dia do desfile na Marquês de Sapucaí, logo me preparei para passar à noite acordado.
Já raiava o dia na terça-feira de carnaval quando um Beija-Flor verde e branco voou majestosamente pela Marquês de Sapucaí, trazendo em suas asas, ninguém menos que o grande Roberto Carlos. A escola veio bela como uma rainha que se prepara para receber o seu rei. O que o Brasil e o mundo viram foi um mar de emoções invadindo a avenida. Emoção que brotava dos integrantes da Escola, do publico presente à Marques de Sapucaí, dos jornalistas que transmitiam o evento, de quem assistia pela TV. Também o rei Roberto se emocionou.
O resultado, todos já sabem: a Escola de Samba Beija-Flor de Nilópolis vencedora do grupo especial do carnaval carioca de 2011. E a certeza de que entre nós existe um cara realmente iluminado.
Obrigado rei Roberto Carlos pela pessoa que você é e pelas canções que você fez pra nós.

José Flávio
Imagens: internet

quarta-feira, 30 de março de 2011

Verde que te quero verde

Olheiro - Ceará-Mirim/RN


EDUCAÇÃO AMBIENTAL


1ª Oficina “Plantar é Preservar” acontece nesta quarta-feira 30 de março

Baseada nos princípios do conhecimento, dos valores, habilidades, experiências e a determinação que tornem os cidadãos aptos a agir individual e coletivamente no que diz respeito a resolver problemas ambientais presentes e futuros, a Secretaria Municipal de Turismo, Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico de Ceará-Mirim, está construindo o Programa Municipal de Educação Ambiental-PROMEA.
O projeto, consiste em um conjunto de estratégias, diretrizes e ações integradas, sistêmicas e fundamentadas, integrando ações educativas envolvendo a participação do governo e a comunidade em geral, visando promover a educação ambiental para o desenvolvimento de uma cultura comprometida com a defesa do planeta.
“Esse é o nosso grande desafio, fazer com que cada cidadão cearamirinense possa se transformar num educador ambiental”, destaca Mychelle Fernandes, secretária municipal adjunta do Turismo, Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico.
Dentro desse conceito, e com o apoio da Prefeitura de Ceará-Mirim, a secretaria, supra-citada, em parceria com a Secretaria Municipal de Educação, Rancho Boca da Mata, Parque das Dunas e Posto de Combustível Portal do Vale, realiza a 1ª Oficina Plantar é Preservar, nesta quarta-feira 30 de março.
A ação tem o objetivo de promover o conhecimento adequado de produção de mudas de árvores, para posterior plantio e aproveitar a oportunidade para sensibilizar a sociedade para a importância da preservação das florestas para a garantia da vida no planeta.
Segundo Mychelle Fernandes, estudos indicam que as florestas cobrem 31% de toda a área terrestre do planeta e têm responsabilidade direta na garantia da sobrevivência de 1,6 bilhão de pessoas, além de 80% da biodiversidade terrestre.
“Pela importância que tem as florestas para o planeta, elas merecem ser mais preservadas e valorizadas, e a escolha portanto é nossa”, frisa a secretária Mychelle.

SERVIÇO
EVENTO: 1ª Oficina Plantar é Preservar
DATA: 30 de março de 2011
LOCAL: Posto de Combustível Portal do Vale (Av. Luiz Lopes Varela, próximo ao Fórum)
HORA: 08h30 às 11h
Obs.: A participação é gratuita e aberta à todos os interessados
-----
Cordialmente,
Jorge Moreira
Secretaria Municipal de Comunicação Social – PMCM

Foto: Eliel Silva

terça-feira, 29 de março de 2011

Na onda do Iê, Iê, Iê

"Já te dei a senha do meu segredo
Já te dei a chave do meu coração
Minha digital impressa no seu dedo
Todos os seus beijos para o meu batom
Nossos pés pisaram as mesmas pegadas
Seus cabelos encaracolaram os meus
Tantos fins de tarde, tantas madrugadas
Não me deixe nunca pelo amor de Deus."
(Pense Duas Vezes Antes de Esquecer - Marcelo Jeneci)
Ortinho
"Herói Trancado"

Foi um amigo meu que mora em Caicó/RN quem me falou desse cd. Segundo ele, encontrou numa dessas grandes lojas que vende pela internet. Sim, porque essas coisas não aparecem mais por aqui, nas terras potiguares. Achei interessante sua teoria de que, se o disco custar até R$ 15,00 / R$ 16,00 ele compra, mesmo no escuro, só por curiosidade. Além desse valor, nem pensar.
Lembrei que aqui e Ceará-Mirim até mesmo a banca que sempre trazia algumas revistas interessantes não existe mais. Seu proprietário mudou de ramo. Tive que pegar meus disquinhos de Chico na capital.
Bom, mas sobre o cd do Ortinho: é legal mesmo. Letras bem elaboradas e melodias a la jovem guarda. Aliás, parece ser essa a proposta do disco. Parceiro de Marcelo Jeneci e Arnaldo Antunes, esse último que até divide o vocal com ele numa das faixas, Ortinho parece querer dar sequência a um dos últimos trabalhos do ex-titãs: Iê, Iê, Iê.
Diferente dos dois trabalhos anteriores, “Herói Trancado” mostra esse artista nordestino livre, leve e solto. Que o diga o wah-wah de Scandurra (ex-IRA!) que participa do disco tocando sua guitarra inconfundível. Prestando bastante atenção o disco as vezes doa meio anos 80. Tudo a ver.

Créditos:
Texto: Eliel Silva
Imagens: internet
#
###
########
# ##
#
Informando:
 
OLÁ COLEGAS, OLHA ESSA NOVIDADE, A 87 FM VALE VERDE DE CEARÁ MIRIM, AGORA ESTÁ AO VIVO PARA TODO O MUNDO PELA NET, COM UMA PROGRAMAÇÃO INTERATIVA, ECLÉTICA, JOVEM E SEM FALAR NA MEGA AUDIÊNCIA COMPROVADA.

OUÇA A RADIO MORAL DE CEARÁ MIRIM NO: http://valeverdefm.blogspot.com/

VALE A PENA DESTACAR AQUI, QUE TODAS AS TERÇAS E QUINTAS, A 87 FM TRANSMITE A SESSÃO DA CÂMARA DE VEREADORES DE CEARÁ MIRIM AO VIVO DÁS 16H ÁS 18H.

DIARIAMENTE DAS 18 AS 19 HORAS PROGRAMAÇÃO CATÓLICA COMANDADA PELA PASCOM.

TODOS OS SABADOS ÁS 10H PROGRAMA BATE PAPO COM O PREFEITO, E LOGO EM SEGUIDA, CONVERSANDO COM O POVO, ENTREVISTAS E REPORTAGENS. NA APRESENTAÇÃO DE ELTON MARQUES E JONY SOM.

AOS DOMINGOS TEMOS O PROGRAMA JOVEM GUARDA ESPECIAL, DAS 08 AS 10H DA MANHÃ NA APRESENTAÇÃO DE EDVALDO MORAIS E ELIEL SILVA.

SEM ESQUECER QUE DIARIAMENTE TEMOS A MELHOR EQUIPE DE LOCUTORES DA REGIÃO QUE LEVAM AO AR MUITA ENERGIA POSITIVA, ALEGRIA E INFORMAÇÃO.

BASTA ACESSAR http://valeverdefm.blogspot.com/ E OUVIR A MELHOR PRORAMAÇÃO DO RADIO, AGORA NA INTERNET, AO VIVO, 24 HS NO AR...

Sandro Karlos
Programação Rádio Vale Verde fm 87,9 - Ceará Mirim
Contato: (84) 9174 7799 / (84) 3274 3578

segunda-feira, 28 de março de 2011

Emoções potiguares

Valéria Oliveira, a "Divina"


"Quando você se separou de mim, quase que a minha vida teve fim, sofri, chorei tanto que nem sei, tudo que chorei por você, por você oh, oh, oh, quando você se separou de mim, eu pensei que ia até morrer depois lutei tanto pra esquecer, tudo que passei com você, com você, com você, e mesmo assim ainda eu não vou dizer que já te esqueci, se alguém vier me perguntar, nem mesmo sei que vou falar, eu posso até dizer ninguém te amou o tanto quanto eu te amei, mas você não mereceu, o amor que eu te dei oh, oh, oh".
A interpretação dessa música do Rei Roberto Carlos, gravada em 1967, foi um dos momentos mais bonitos do show da cantora Valéria Oliveira na terça-feira, dia 22 de março, no teatro Alberto Maranhão, na festa que comemorou os 10 anos da rádio FM Universitária de Natal (88,9). Essa emissora está de parabéns pelo espetáculo que proporcionou aqueles que tiveram o privilégio de participar daquele evento festivo com a nossa rainha Valéria Oliveira e a maravilhosa Ná Ozetti, que nos presentearam com uma noite maravilhosa e inesquecível .
O show de Valéria foi perfeito, acompanhada por músicos extraordinários, um cenário belíssimo, som de qualidade e uma artista que cantou e encantou a todos pelo seu talento, domínio de palco e um repertório eclético que além de suas belas canções em parceria com autores locais, tiveram músicas de Caetano Veloso, Roberto Carlos e uma homenagem ao saudoso Elino Julião que fez a platéia se emocionar, agradecer e se orgulhar de ser conterrâneo de uma artista tão completa que podemos sem exagero, chamá-la "Divina", tal qual a nossa saudosa Elizeth Cardoso.
Parabéns Valéria, nesses 40 anos que acompanho shows, já fui a mais de mil, só do Rei Roberto Carlos já assisti sessenta, mas posso lhe dizer seguramente que entre centenas de espetáculos que vi o seu está entre os melhores. Por isso canto como Tim Maia: "Você é mais do que sei, é mais que pensei, é mais que esperava..."

José Normando Bezerra
Geógrafo e professor.
Natal, RN. Março 2011.

Imagem: internet

domingo, 27 de março de 2011

Quase sem querer

“Se fosse só sentir saudade,
mas tem sempre algo mais.
Seja como for
é uma dor que dói no peito.”
(“Angra dos Reis” –
Renato Russo/Renato Rocha
/Marcelo Bonfá)

“É tão estranho, os bons morrem jovens”. E quem diria que essa música serviria, também, para o seu compositor. Hoje, 27 de março de 2011, se fosse vivo, seria dia de comemoração, como alguns fãs ainda fazem, pois o anjo torto Renato Manfredini Júnior estaria completando 51 aninhos.

Como todo mundo sabe, sem ele a história do rock nacional seria bem diferente. Renato Russo foi compositor, poeta, cantor e pensador brasileiro e marcou e influenciou a vida de muitas pessoas com suas músicas. (Bel Silva)

Do blog: Pois é, Belzinha. E eu que já “beiro” os cinquenta, ouso perguntar: o que seria de nós, não fossem esses poetas modernos que se foram – Cazuza, Renato, Antônio Cícero, Júlio Barroso e tantos outros – e dos que continuam zoando por aí – Lobão, Frejat, Roger e etc e tal?! Garotos de uma década (80) que eu não posso jamais esquecer, haja vista os bons momentos que vivi naqueles tempos. As descobertas de tudo, e tudo embalado naquele som meio “porra louca”, mas que nos fazia sonhar e acreditar em dias melhores. Sendo assim, quero apenas somente sentir saudade. A dor, e que dor, quero não sentir... (se possível for!).

No dia seguinte, falou o diretor:
"- O aluno João Roberto não está mais entre nós
Ele só tinha dezesseis.
Que isso sirva de aviso prá vocês".
(“Dezesseis” – Renato Russo)

sábado, 26 de março de 2011

O homem da cobra

“Quebre um coração,
quebre um coração de pedra
Abra-o, mas não o deixe solitário
Porque ele é a única coisa
que tenho pra te dar.”
(“I Never Cry” – Alice Cooper)


Alice Cooper faz show em São Paulo em junho

O músico Alice Cooper vem ao Brasil para shows entre maio e junho. As apresentações ocorrem no Pepsi on Stage, em Porto Alegre, no dia 31 de maio; no Credicard Hall, em São Paulo, no dia 2 de junho; e no Master Hall, em Curitiba, no dia 3.
O músico vem ao Brasil com sua nova turnê, No More Mr. Nice Guy, que passa ainda pelo Canadá, Estados Unidos e Europa.
Haverá pré-venda para clientes Credicard, Citibank e Diners entre os dias 4 e 10 de abril. Membros do fã-clube oficial de Alice Cooper poderão adquirir ingressos com exclusividade no dia 11 de abril.
O público em geral vai poder adquirir ingressos a partir de 11 de abril. Todas as vendas serão relacionadas pelo telefone 4003-5588, pelo site e nos pontos de vendas. Não foram divulgadas informações sobre preços.

Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/ilustrada/894065-alice-cooper-faz-show-em-sao-paulo-em-junho.shtml
Imagem: internet

sexta-feira, 25 de março de 2011

O tempo

“O que sou ao que eu penso
Tudo põe no esquecimento
O tempo
Vai devagar, devagar, devagar
Divagando nesse deserto.”
(O Tempo – Nasi/Gaspa)

Voltando a fita

Revendo algumas imagens gravadas em VHS, que de vez em quando boto pra rodar no velho videocassete, para “esquentar” a máquina e reativar a minha memória, me deparei com “um ‘passado’ promissor” – parece estranho esse termo - , mas era assim. E acho mesmo que assim sempre será.
Numa apresentação do grupo Titãs, estavam lá: Arnaudo Antunes, Marcelo Fromer, Nando Reis, Charles Gavin... e todos os outros.
Numa outra gravação eu registrava o apresentador Fausto Silva - cheio como nunca, enchendo como sempre – recebendo o rei Roberto Carlos para o lançamento de mais um disco. Na verdade, um discasso. E RC estava feliz, contando histórias, cantando e encantando. Rei é rei.
O bom também daqueles dias era que o BBB estava nos primeiros anos e havia a esperança de não ir muito além. Foi. Fui...
Créditos:
Texto: Eliel Silva
Imagens: internet
#######
#####
###
#
Divulgação

GRANDE SHOW DO MEU LINDO SOBRINHO - RAILTON CÂMARA - HOJE E AMANHÃ... REPASSEM, DIVULGUEM, PRESTIGIEM! OBRIGADO! (Ceicinha Câmara)

quinta-feira, 24 de março de 2011

A gente quer comida, diversão e arte

Querido(a) conterrâneo(a):

Ontem à noite, numa reunião que se iniciou às 20 horas e se prolongou até as 22 horas e 30 minutos, apreciamos, aprovamos e assinamos os documentos constitutivos de criação da ACADEMIA CEARAMIRINENSE DE LETRAS E ARTES – ACLA.

O próximo passo será o de registrá-lo do Ofício de Notas de C. Mirim, para que adquiramos personalidade jurídica e possamos iniciar o nosso trabalho em favor da cultura do nosso município.

A diretoria recém-constituída é assim composta:

Presidente: Pedro Simões; Vice-Presidente: Gibson Machado; Secretário: Francisco de Assis Rodrigues; Tesoureiro: Franklin Marinho.

Contamos com vinte e quatro patronos e onze sócios, na condição de fundadores. Posteriormente outras indicações serão consideradas para a categoria de sócios efetivos, até preencher o total de cadeiras.

São sócios fundadores: Pedro Simões, Bartolomeu Correia de Melo, Gibson Machado, Assis Rodrigues, Franklin Marinho, Maria Leonor Soares, Lúcia Helena Pereira, Janilson Oliveira, José de Anchieta Cavalcanti, Ormuz Simonetti e Ciro Tavares,

São patronos: Cadeira n.1 – Nilo Pereira; Cadeira n.2 – Edgar Barbosa; Cadeira n. 3 – Juvenal Antunes; Cadeira n. 4 – Maria Madalena Antunes Pereira; Cadeira n. 5 – Adelle de Oliveira; Cadeira n. 6 – Augusto Meira; Cadeira n. 7 – Rodolfo Garcia; Cadeira n. 8 – Júlio Magalhães de Sena; Cadeira n. 9 – Inácio Meira Pires; Cadeira n. 10 – Jayme Adour da Câmara; Cadeira n. 11 – Padre Jorge O´Grady de Paiva; Cadeira n. 12 – Elviro Carrilho da Fonseca; Cadeira n. 13 – Herculano Bandeira de Melo; Cadeira n. 14 – José Emidio Rodrigues Galhardo; Cadeira n. 15 – José Alcino Carneiro dos Anjos; Cadeira n. 16 – Francisco Pereira Sobral; Cadeira n. 17 – Etelvina Antunes Lemos; Cadeira n. 18 – Antonio Glicério; Cadeira n. 19 – Dolores Cavalcanti; Cadeira n. 20 – Francisco de Salles Meira e Sá; Cadeira n. 21 – Anete Varela; Cadeira n. 22 – Rafael Fernandes Sobral; Cadeira n. 23 – José Pacheco Dantas; Cadeira n. 24 – Manuel Fabrício de Souza (Amarildo).

Finalmente, aprovamos a iniciativa de elaboração de um plano diretor de cultura para Ceará-Mirim, que terá três vertentes: POJETO MEMÓRIA (cuidará da memória da cidade – história, preservação do acervo, revitalização da cultura popular); PROJETO VANGUARDA (estímulo às manifestações literárias e artísticas de caráter experimental, assim como a consideração à cultura de massa, na área teatral, musical, pictórica, etc) e o PROJETO DO TURISMO CULTURAL em que pretendemos dar sentido e conseqüência à nossa tradição, convertendo-a em fonte de emprego e renda para o município.
Esperamos contar com o seu valioso apoio e a sua ajuda, para alcançarmos os nossos objetivos.
Atenciosamente,
PEDRO SIMÕES

#######
####
##
#


Minha flor

Nunca mais escrevi poesias
Será que a fonte secou?
Tentarei esse poeminha ligeiro
Só pra dizer que te amo
Minha Isabel, minha flor.

* Parabéns pelo seu dia!
Te amo.
"Painho"
Créditos:
Poeminha e foto: Eliel Silva
(sem fotos da moça, por causa dos
urubus)

quarta-feira, 23 de março de 2011

Flor de lis

Adeus, Liz Taylor!

Elizabeth "Liz" Rosemond Taylor (Londres, 27 de fevereiro de 1932 — Los Angeles, 23 de março de 2011)

Sem "sossego"

"Não está vendo, não estou nessa
O que eu quero?
Sossego, eu quero sossego."
("Sossego" - Tim Maia)


Justiça autoriza exumação do corpo de Tim Maia


O TJ-RJ (Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro) autorizou, nesta terça-feira (22/3), a exumação do corpo do cantor Tim Maia, que morreu em 1998.
O pedido foi feito por uma suposta filha do artista, que entrou com ação de investigação de paternidade. A Justiça de primeira instância já havia autorizado a realização do exame de DNA nos restos mortais do artista em dezembro passado.
Os herdeiros do cantor - irmãos e seu filho, Carmelo Maia - recorreram da decisão, alegando que eles próprios poderiam fornecer o material para o exame.
Para o desembargador Guaraci Viana, relator do caso no TJ, o exame de DNA realizado em parentes de primeiro grau não tem a mesma precisão do que aquele realizado no próprio genitor. Viana afirmou ainda que "não há qualquer prejuízo aos herdeiros diante da realização da exumação".
Com a citação de trechos de músicas de Tim Maia, o relator rejeitou também a alegação dos herdeiros de que a exumação, após 12 anos da morte de Tim Maia, configuraria profundo desrespeito ao sentimento da família, causando trauma e constrangimento moral.
"A vida do consagrado artista é um espelho e o que se vê através dele são as suas obras, músicas principalmente. A exumação do seu cadáver não causará qualquer sacrifício insuportável, dor ou trauma", disse o desembargador.
O relator completou: "a alma e o espírito do suposto pai não serão incomodados e certamente estarão em estágio que o falecido, quando vivo, apregoava na sua música 'sossego'. Não deu a agravante 'motivo' suficientes para o provimento do agravo".

Fonte: http://ultimainstancia.uol.com.br/conteudo/noticia/JUSTICA+AUTORIZA+EXUMACAO+DO+CORPO+DE+TIM+MAIA_73627.shtml
Imagem: internt

terça-feira, 22 de março de 2011

Braços dados ou não


Fundação Nilo Pereira firma parceria com Biblioteca Câmara Cascudo
A Prefeitura de Ceará-Mirim, por meio da Fundação de Cultura Nilo Pereira, firmou parceria com a Biblioteca Câmara Cascudo, que possibilita renovação do acervo da biblioteca de Ceará-Mirim.

A ação possibilitará o aumento do acervo da Biblioteca Dr. José Pacheco Dantas. A Prefeitura de Ceará-Mirim, por meio da Secretaria Municipal da Juventude, Esporte, Cultura e Lazer, e Fundação de Cultura Nilo Pereira, mantém a Biblioteca Pública Municipal Dr. José Pacheco Dantas e um anexo instalado no CRAS – bairro Nova Descoberta.
Os dois locais atuam como espaços culturais de conhecimento e lazer, possibilitando o acesso a informação, a pesquisa e o desenvolvimento do gosto pela leitura.
Com o objetivo de renovar e aumentar o acervo da Biblioteca de Ceará-Mirim, o diretor da Fundação de Cultura Nilo Pereira, Waldeck Araújo de Moura, informa que no último dia 17 deste mês de março, foi firmada uma parceria com a Biblioteca Câmara Cascudo, de Natal.
Pela parceria, segundo Waldeck, o órgão cultural de Natal compromete-se renovar mensalmente o acervo de livros da Biblioteca Dr. José Pacheco Dantas.
“Nós estamos realmente felizes e agradecidos, porque sabemos que o livro é a base de todo conhecimento, e essa parceria com a Biblioteca Câmara Cascudo só vem engrandecer o nosso acervo e a nossa cultura”, ressalta o diretor da Fundação Nilo Pereira.
Ressalte-se também que, entre as atividades oferecidas pela Biblioteca de Ceará-Mirim destacam-se: pesquisa escolar, atendimento à consultas, empréstimo de livros, e o Prêmio Literário Adele de Oliveira que deverá ser retomado este ano por ocasião da programação da semana de emancipação política de Ceará-Mirim, entre outras atividades.
Cordialmente,

Jorge Moreira
Secretaria Municipal de Comunicação Social – PMCM
(84) 3274-5905/5914 – 9451-5797
jotgemoreira@yahoo.com.br
Créditos:
Informação enviada pelo jornalista
Jorge Moreira
Fotografias: Eliel Silva
 
In loco: Como funcionário da Biblioteca Pública, devo dizer que, a última aquisição de livros  para esse órgão, assim, numa quantidade significativa e adquiridos com recursos da prefeitura, se deu no início da segunda gestão da prefeita Edinólia Melo. De lá pra cá a biblioteca vem apenas recebendo doações. Seja como for, é preciso ter atitude, é louvável portanto a ação no diretor da Fundação Nilo Pereira, o senhor Waldeck Moura.

segunda-feira, 21 de março de 2011

Talento

TALENTOS QUE SE REVELAM E DESVELAM EM MÚSICAS DE QUALIDADE


A arte possui uma magia que lhe é peculiar. Ativa regiões do cérebro humano de uma forma tão dinâmica como nenhuma outra arte é capaz de fazê-lo. As imensas cadeias de neurônios se encarregam de transmitir sensações . Essas sensações, por sua vez, abrem as portas do coração aos sentimentos e emoções. Nada como uma boa música para nos fazer viajar pelas estradas do coração. Apreciando as belas paisagens do sentimento ou navegando nos mares da emoção.
Para quem aprecia música de excelente qualidade e letras para lá de boas a dica é o disco Nacle Nabak do intérprete e compositor campineiro, Nacle Nabak, lançado no início deste ano. Um trabalho feito sob medida para os amantes da música, ao melhor estilo Pop Music.
O disco é formado por dez composições próprias. Todos sabemos que para se fazer um bom jogo é necessário um time de primeira categoria. Ninguém joga bem sozinho ou com jogadores sem talento. E Nacle escalou uma equipe de craques. Para começar buscou parceria com Bruno Coppini, que também assina os arranjos. O comando das gravação dos trabalhos ficou com Edu Luke e, completando o time, músicos talentosos e experientes; Maguinho Alcântara(bateria) Bruno Copini(baixo e backing vocal) Roger Dias(guitarra e violão) Ivan Texeira(teclado e escaleta) Julio Calliman(guitarra e violão) e o trio de metais: Manu Falleiros(sax tenor, alto, barítono e flauta) Gê Ribeiro(trompete e flugellon) e Lucimar Peres(trombone).
Para conhecer melhor o trabalho desse artista e ouvir as canções, acesse o site oficial:

Sobre o artista

Nacle Nabak sentiu despertar em si o gosto pela música aos 09 anos de idade quando começou a tocar corneta nas fanfarras das escolas municipais. De lá pra cá essa paixão só fez aumentar. Aos treze anos tornou-se autodidata no violão. Aos quinze ganhou a primeira guitarra e, no ano seguinte, já estava montando sua primeira banda de rock. Começou a compor aos dezoito anos como uma forma de exteriorizar sua visão de mundo e de amor através da música.
Segundo ele, seu processo de criação acontece, geralmente, pela manhã e a inspiração vem de coisas vividas, experimentadas e que são transformadas em letras e melodias. Então, se é assim, só nos resta saborear os frutos dessa inspiração.

Créditos:
Texto José Flávio
Imagem: site oficial do artista

sábado, 19 de março de 2011

O que é que a baiana tem?


Projeto aprovado pelo MinC prevê R$ 600 mil só para Bethânia

BERNARDO MELLO FRANCO
DE SÃO PAULO

O orçamento do futuro blog de Maria Bethânia, aprovado pelo Ministério da Cultura, reserva para ela um cachê de R$ 600 mil pela "direção artística" do projeto.

O valor equivale a 44% do total de R$ 1,35 milhão que a cantora foi autorizada a captar em dinheiro de renúncia fiscal, via Lei Rouanet.
Ela informou ontem, por meio de assessoria, que mantém a decisão de não fazer comentários sobre o assunto.
A remuneração está prevista no orçamento que Bethânia entregou à Comissão Nacional de Incentivo à Cultura, responsável pela escolha dos projetos a serem beneficiados pela lei.
O documento, obtido pela Folha, apresenta a cantora como a única responsável pelas atividades de "direção artística, pesquisa e seleção de textos e atuação em vídeos" do blog de poesia.
Três páginas adiante, uma planilha de custos fixa em R$ 600 mil a remuneração do "diretor artístico" - no caso, a própria cantora.
O orçamento diz que o valor equivale a um salário de R$ 50 mil, a ser pago nos 12 meses de duração do projeto.
O cachê reservado a Bethânia supera os R$ 467 mil que ela planeja gastar com produção, edição e legendagem dos vídeos que ela promete veicular diariamente.
No pedido de verba, a produtora Quitanda Produções Artísticas classifica o blog como revolucionário:
"Em meio a tantos absurdos do mundo moderno, a tantos problemas que cercam a vida de todos, nos propomos a revolucionar a vida cotidiana de cada um."
A captação dos recursos foi autorizada esta semana, como noticiou anteontem a coluna Mônica Bergamo.
Ontem, a reportagem teve acesso a dois pareceres do ministério que embasaram a decisão. O último relata "ajustes orçamentários" na proposta original, que previa captar R$ 1,79 milhão.
A pasta não informou os itens afetados pelo corte de R$ 440 mil. Em nota, afirmou que isso só pode ser checado mediante pedido de vista do processo, em Brasília.
Incluindo o blog, o ministério já autorizou Bethânia a captar R$ 10,5 milhões para seis projetos culturais desde 2006. Por problemas no sistema de acompanhamento virtual da pasta, não era possível saber ontem a quantia que ela chegou a arrecadar.
Fonte: Folha.com – Ilustrada

http://www1.folha.uol.com.br/ilustrada/890568-projeto-aprovado-pelo-minc-preve-r-600-mil-so-para-bethania.shtml

#######
####
##
#
Didé Rodrigues

ARTE & ENCANTO


Semthas promove segunda edição do projeto Arte & Encanto

A Prefeitura de Ceará-Mirim, por meio da Secretaria Municipal do Trabalho, Habitação e da Assistência Social, com apoio da Secretaria da Juventude, Esporte, Cultura e Lazer, e Fundação de Cultura Nilo Pereira, realiza neste sábado 19/03 a segunda edição do projeto Arte & Encanto com apresentações de teatro, danças, palhaços e shows musicais.
O evento acontece a partir das 19h30 no auditório “Prefeito Roberto Varela” da Estação Cultural.
Nesta segunda edição, o projeto apresenta o Grupo New Dance de Muriu, Grupo de Capoeira Boa Vontade, e um show musical com a cantora cearamirinense Didé Rodrigues interpretando as mais belas canções da Música Popular Brasileira.
A entrada custa apenas 1 kg de alimento não perecível, para ajudar as famílias carentes de Ceará-Mirim.
O projeto Arte & Encanto tem o objetivo de levar cultura e dar oportunidade e incentivo aos artistas locais, bem como aos novos talentos do município.

Cordialmente,
Jorge Moreira
Secretaria Municipal de Comunicação Social – PMCM

Foto de Didé Rodrigues: Eliel Silva
#
##
####
#######

Versão 2011

Em fase experimental está no ar a nova versão do Site Oficial da Câmara Municipal de Ceará-Mirim:

Vídeos com pronunciamentos dos vereadores na íntegra;
• Resumo escrito e Expediente das sessões;
• Coluna “Leitura Dinâmica” com flashes do Legislativo;
• Blog Cultural: “Velhos Tempos, Belos Dias”, resgatando o Ceará-Mirim antigo.
• “Giro pela Cidade” com notas do cotidiano, dentre outros links.
Confira: www.camaracmirim.com.br
Sugestões, opiniões e críticas construtivas – contato: cmcm2011@r7.com
Agradecemosa a divulgação e inserção do link: http://www.camaracmirim.com.br/

Foto da Câmara: Eliel Silva 

sexta-feira, 18 de março de 2011

Fraternidade

“O que será o futuro que hoje se faz
A natureza, as crianças e os animais?!”
(O Ano Passado – Roberto e Erasmo)


Celebração ecológica

Nessa quarta-feira, 16 de março, a Paróquia de Nossa Senhora da Conceição, aqui de Ceará-Mirim, realizou uma caminhada, seguida de celebração ecológica como parte da programação de abertura da Campanha da Fraternidade 2011. A concentração ocorreu às margens do Rio Ceará-Mirim, onde o público presente em seguida se deslocou pela Avenida Presidente Café Filho até a Praça Barão de Ceará-Mirim, onde houve apresentações culturais voltadas para o tema  da campanha Fraternidade e a Vida no Planeta. O R&C se fez presente e registrou alguns momentos de beleza e importância que só acontecem quando parte de pessoas de boa-vontade e de muita fé, como é o caso desse nosso povo de Deus.
#######
###
#

Solidariedade

O blog solidariza-se com a família do músico "Lula", que faleceu nessa manhã de quinta-feira, 17. Lula era um antigo funcionário da Banda de Música Tenente Djalma Ribeiro da Silva que agora sofre mais essa perda para somar-se aos inúmeros problemas que essa tradicional banda vem enfrentando nesses últimos dois anos. Uma pena!

Créditos:
Textos e fotos: Eliel Silva
* Exceto a foto 1 da Banda de Música, copiada do blog Ceará-Mirim

quinta-feira, 17 de março de 2011

Apesar dos castigos

“Vê, estão voltando as flores,
Vê, nessa manhã tão linda,
Vê, como é bonita a vida,
Vê, há esperança ainda...”
(“Estão Voltando as Flores”
- Composição: Paulo Soledade)

As flores

Estão voltando as flores (e as luzes)

“O sertanejo é, antes de tudo, um forte.” Com essa frase do escritor Euclides da Cunha começo esse pequeno texto para mais uma vez falar um pouco sobre essa gente, funcionários e usuários da Biblioteca Pública Municipal Dr. José Pacheco Dantas. Nesses últimos cinco meses essa frase coube muito bem a todos nós. Fortes sim, porque não é nada fácil se trabalhar num órgão desses sem energia elétrica, o que gera uma série de incômodos para todos, isso também sem contar com outro fato grave que ultimamente vem acontecendo: o lixo que alguns proprietários de comércio daquelas imediações insistem em colocar ao lado daquele prédio. Um verdadeiro desrespeito e uma falta de consciência sem precedente na história da nossa biblioteca. O pior de tudo é que, ao que parece, isso parte de pessoas que tem o apoio do prórpio governo municipal. Parece que, e eu preciso acreditar nessa hipótese, por falta de conhecimento, isso pra não chamar de ignorância, está havendo uma conspiração contra a atual gestão. Tal fato já tratei aqui no blog, inclusive a matéria foi também postada nos blogs Fala Ceará-Mirim e Tá Errado a Gente Mostra, e eu quero agradecer aqui aos seus titulares pela apreciação do nosso trabalho.
Bom, mas nada é pra sempre. Eis uma certeza. E assim, nessa tarde de quarta feira, 16 de março, nos reunimos para celebrarmos o dia do bibliotecário, ocorrido no último sábado, 12. Para minha surpresa, ao adentrar aquela casa, logo percebi que havia novidades, as luzes estavam acesas. Acabamos comemorando também esse acontecimento extraordinário. Tudo indica que agora as coisas por ali caminharão de forma normal. O horário de funcionamento será cumprido (e comprido, é bom que se diga!) como antes. Vamos aproveitar esse momento então.
A festa

Os usuários
Estudantes realizando suas pesquisas

O lixo
Infelizmente, esse problema permanece

Créditos:
Texto: Eliel Silva
Fotos: Wellington, Janine, Eliel

quarta-feira, 16 de março de 2011

Diferente

"Se cobrir vira circo
se cercar vira cadeia,
Essa vida é um trapézio
preso na cumeeira."
("Trapézio" - Benito Di Paula)
Uma educação que vem de fora
(Salutar, mesmo se adquirida num picadeiro)

Fiquei curioso (e comovido, por assim dizer) quando aquele carro de som do circo passou pela biblioteca, onde trabalho, anunciando as atrações para aquele espetáculo de estréia.
E você que agora lê esse meu artigo certamente já deve estar se perguntando: o que há de extraordinário nisso, a ponto do cara se comover? Eu explico: na verdade, não me chamou atenção o anúncio, mas a maneira como o locutor o fez.
Nos meus mais de treze anos trabalhando naquela casa, tenho testemunhado, quase que diariamente, um verdadeiro desrespeito no tocante a lei do silêncio para com aquele órgão público, local de pesquisa, estudo e leitura para tantos estudantes. Seja anúncio de um estabelecimento comercial, festas populares ou religiosas, notas de utilidade pública ou até mesmo noticiário fúnebre, é raro, mas muito raro mesmo, os condutores de tais veículos baixarem o volume do som ao passar por alí. Parece mesmo uma zorra total.
Pois bem, nosso locutor forasteiro ao perceber que estava diante de uma repartição pública, cuidou para que o som ficasse num volume baixo, porém audível.
Assim, ouvi muito bem quando ele anunciou como uma das atrações daquele circo o maior elefante do Brasil. Ora senhores, sinceramente não encontrei em mim disposição para ir até o Robertão, local onde o circo encontra-se instalado, para ver o tal bicho. Animais desse porte eu estou cansado de ver no Fantástico (antes era no Globo Repórter, e ainda bem antes, no Globo Rural) e ainda por cima, com uma narração bem animada (as vezes, irônica) do Tadeu Schmidt.
Bom, mas voltando ao assunto do carro de som, aquele senhor, sim, é que se mostrou um verdadeiro gigante. Gigante em suas convicções. Certamente, nas terras por onde ele andou aprendeu muito bem que existem leis e que é sempre bom o cumprimendo delas, seja numa terra civilizada ou mesmo em terra de ninguém.

P.S.: No dia em que ouvi o primeiro anuncio acerca daquele circo, o carro de som e o seu condutor, eram mesmo de fora. Pertenciam ao circo. É certo que depois outros anúncios foram feitos, mas em outros veículos, e aí então já foi bem diferente.

Créditos:
Texto: Eliel Silva
Imagem: internet

terça-feira, 15 de março de 2011

Me dê motivo

Sebastião Rodrigues Maia, popularmente conhecido como Tim Maia (Rio de Janeiro, 28 de setembro de 1942 — Niterói, 15 de março de 1998). E lá se vão treze anos sem o Tim. O blog presta homenagem ao síndico com essa canção do tremendão, seu amigo de adolescência, parceiro de cartas e baladas.
Tim
Composição: Erasmo Carlos

Tim
Por que voce foi embora?
Um pouco fora de hora
Nem ao menos se despediu

Tim
Não faça isso comigo
O mundo tá em perigo
Nostradamus não mentiu

Tim
É bomba atrás de bomba
Parece guerra de arromba
Não sei onde vai chegar

Tim
Conforme voce dizia
E eu sei que voce queria
A festa não vai parar

Tim
A turma aqui vai levando
O povo sempre cantando
Seu "Azul da Cor do Mar"

Tim
Parece até brincadeira
Imagina a bebedeira
que nós dois vamos tomar

Quem sabe sai até um novo hit
quando a gente se encontrar?

Imagem: internet